Em meio à polêmica, Amber Heard teve seu papel reduzido em Aquaman 2

Durante sessão no julgamento contra Johnny Depp, a atriz Amber Heard afirmou que sua participação em Aquaman 2 foi reduzida.

PUBLICIDADE

Nos últimos meses, foi relatado que Amber Heard poderá ser demitida pela Warner Bros. Discovery se a atriz perder o processo de difamação movido contra ela por seu ex-esposo Johnny Depp. Com a eventual saída de Amber, a Princesa Mera ganharia uma nova intérprete.

 

   LEIA MAIS!

 

Nos últimos dias a imprensa tem focado na batalha judicial envolvendo Heard e Depp. Hoje (16/05), durante as sessões no tribunal, a atriz afirmou que sua participação em Aquaman e o Reino Perdido foi reduzida. Ela também afirma que lutou bastante pra continuar no filme, alegando que o estúdio não queria mantê-la:

PUBLICIDADE

Eu interpretei uma versão muito reduzida desse papel. Foi-me dado um roteiro. Em seguida, deram-se novas versões do roteiro que retiraram cenas que tinham ação, que retratavam meu personagem e outro personagem, sem dar spoilers, dois personagens lutando um contra o outro. Eles basicamente tiraram muito do meu papel. Eles apenas removeram um de coisas.

Amber Heard quase não pode repetir o papel de Mera em Aquaman e o Reino Perdido. De acordo com um relatório do site Puck, a Warner Bros. Discovery estava receosa de trazer a atriz para a sequência, apesar do sucesso de bilheteria do primeiro longa.

Segundo o relatório publicado, Walter Hamada, presidente da DC Films, prestou um depoimento de três horas sobre esta questão como parte do caso com Depp. Hamada teria afirmado que o motivo para não trazer Heard para a sequência seria a falta de química com Jason Momoa.

Já a equipe de Heard afirma que o escândalo envolvendo seu relacionamento com Johnny Depp teria sido o verdadeiro motivo. Heard também afirmou não ter conseguido renegociar seu pagamento para a sequência para um valor mais lucrativo. Em recente declaração durante o julgamento, a atriz revelou que lucrou 1 milhão de dólares para contracenar com Jason Momoa no primeiro longa.

PUBLICIDADE

A disputa dentro dos tribunais vem ressoando profissionalmente fora deles. Isso porque, a atriz que deu vida à personagem Mera em Aquaman viu uma petição online contra sua participação no próximo filme da franquia ultrapassar 4 milhões de assinaturas.

A petição do Change foi criada após Depp entrar com processo de difamação contra Heard, que o acusou de agressão, que supostamente aconteceu quando os dois ainda eram casados. Caso pouco mais de 400 mil pessoas assinem o pedido, a petição deverá bater recorde dentro da plataforma.

Vale ressaltar que a petição chama Amber Heard de “notória e comprovadamente abusadora doméstica”. No processo, Johnny descreveu vários incidentes que ele sofreu nas mãos de sua ex-esposa, incluindo socos que levou no rosto e uma vez em que ela quebrou seu dedo com uma garrafa de vodka.

Inclusive, o dedo foi recolocado no lugar cirurgicamente. ”Ele vai carregar essas cicatrizes para o resto da vida”, justifica um trecho da petição. Johnny Depp entrou com uma ação judicial contra Amber Heard após a atriz publicar uma carta aberta o acusando de agressão física.

PUBLICIDADE

O novo filme do Aquaman irá transportar o público para um mundo totalmente novo que dificilmente pode ser imaginado. Embora os detalhes da trama do filme sejam desconhecidos, os fãs certamente têm algo entusiasmante para esperar no próximo ano. O longa tem estreia prevista para 17 de março de 2023.

Mas e você, o que acha de tudo isso? Não esqueça de comentar em nosso grupo do Telegram!

Continue acompanhando o Legado da DC e saiba tudo sobre os filmes DCnautas.

PUBLICIDADE

Sair da versão mobile