Jim Carrey critica abordagem violenta de Charada de Paul Dano em The Batman

Paul Dano assumiu o papel do Charada para The Batman, e seu antecessor cinematográfico, Jim Carrey, compartilhou seus pensamentos sobre sua interpretação.

The Batman
PUBLICIDADE

Jim Carrey deu declarações mistas à versão de Paul Dano do Charada de The Batman. O Cruzado Encapizado da DC foi mais uma vez reinventado nas telonas, desta vez pelo diretor Matt Reeves e pelo ator Robert Pattinson. The Batman estreou nos cinemas no início deste mês e rapidamente se consolidou como o filme de maior bilheteria de 2022 até agora. A visão sombria e sombria do personagem se passa em um mundo separado do DCEU e se concentra em um Bruce Wayne em seu segundo ano como o Cavaleiro das Trevas de Gotham.

 

    LEIA MAIS!

 

Charada de Dano é o principal vilão em The Batman. Um idiota mascarado com um amor por “Ave Maria”, o Charada pretende expor a corrupção de Gotham matando suas figuras públicas mais proeminentes uma a uma. Ele certamente faz jus ao seu nome, deixando vários enigmas para Bruce e Jim Gordon (Jeffrey Wright) resolverem, mas a representação de Dano do personagem também está muito longe de retratos anteriores do famoso personagem dos quadrinhos. Antes de Dano, Carrey era talvez o Charada mais conhecido graças à sua atuação em Batman Eternamente. A versão de Carrey do vilão é muito mais tola e afetado do que a de Dano.

PUBLICIDADE

Enquanto promovia seu novo filme Sonic 2 – O Filme com a UNILAD, Carrey foi perguntado se ele viu The Batman e se ele tem alguma opinião sobre esse novo Charada. O amado ator admitiu que ainda não, mas que no geral ele tem alguns sentimentos contraditórios sobre o longa e e sua representação do vilão. Embora não quisesse criticar o novo Charada, Carrey se mostrou incomodado com a abordagem violenta do personagem.

“Eu não vi. É uma versão muito sombria. Eu tenho emoções mistas sobre isso. Cada um na sua e tudo mais. Eu o amo como ator, ele é um ator tremendo. Há um ponto de preocupação em mim sobre o gaffer – gravar o rosto das pessoas e encorajar as pessoas a fazerem o mesmo. Alguns doentes por aí que podem adotar esse método.

“Eu tenho consciência sobre as coisas que escolho. Robotnik [seu vilão de Sonic 2] tem bombas de desenho animado e ninguém se machuca. Eu sei que há um lugar para isso, e não quero criticá-lo, mas não é meu tipo de coisa… está muito bem feito, esses filmes estão muito bem feitos.”, disse Jim Carrey.

Muitos apontaram que o Charada de Dano em The Batman é uma representação inquietante de um vilão que poderia ser muito real na sociedade de hoje. A maneira como ele fala com seus seguidores, sua desilusão com as instituições de Gotham e seu plano final para a cidade parecem nitidamente extraídos da vida real. Nesse sentido, pode-se entender aonde Carrey quer chegar. Houve muito debate ao longo dos anos sobre se a violência e o terror nos filmes levam a um aumento dessas coisas na realidade e, embora alguns possam descartar rapidamente a ideia, a preocupação de Carrey tem alguma validade.

E para que os fãs de  The Batman não pensem que Carrey está descartando o filme, ele reconheceu que não deseja rejeitá-lo. Ele emprestou seu apoio a Dano como ator, e ele provavelmente pode admitir que suas versões do personagem são diferentes, e tudo bem. Eles apareceram em filmes muito diferentes, então faria sentido que um Charada tivesse pouco a ver com o outro. The Batman ganhou seu quinhão de apoiadores e, embora Carrey possa não estar totalmente a bordo, ele pelo menos respeita o que Dano, Reeves e o resto da equipe criativa fizeram.

PUBLICIDADE

[créditos: Screen Rant]

Acompanhe o Legado da DC e saiba tudo sobre as produções dcnautas.

PUBLICIDADE

Sair da versão mobile