Saiba quais são os 10 melhores quadrinhos de todos os tempos da DC

Batman tem quatro HQs entre os melhores quadrinhos da DC Comics da história. O escritor Alan Moore também aparece com quatro obras no ranking.

Saiba quais são os 10 melhores quadrinhos de todos os tempos da DC

Batman tem quatro HQs entre os melhores quadrinhos da DC Comics da história. O escritor Alan Moore também aparece com quatro obras no ranking.

Saiba quais são os 10 melhores quadrinhos de todos os tempos da DC
TOP 10 DA DC COMICS
Imagem: Reprodução | Divulgação
PUBLICIDADE

A DC tem muitos fãs nos cinemas, nas séries e até no jogos de videogame, mas ironicamente boa parte dos dcnautas não consomem quadrinhos da DC Comics. Os motivos que explicam essa distância entre tais fãs e as HQs são muitos, mas talvez uma das principais razões disso seja o fato de que o público em geral não sabe por onde começar a ler. Afinal, a quantidade de quadrinhos que a DC já lançou passa dos milhares.




PUBLICIDADE



Porém, para ajudar esses dcnautas não-leitores a ingressar no universo da DC Comics, decidimos fazer uma lista com os 10 melhores quadrinhos da DC de todos os tempos.

Para fazer esse ranking definitivo, consultamos uma lista, com mais de 60 mil votos, dos melhores quadrinhos da história dentre todas as editoras de comic books. O top é do Ranker, um popular site onde os fãs do mundo todo podem votar em infinitas listas sobre qualquer tema.

PUBLICIDADE

Obviamente só pegamos os quadrinhos dcnautas mais bem posicionados para fazermos a nossa própria lista. O detalhe é que apesar de que do top do Ranker ser geral, a DC dominou as nove primeiras do ranking. É aquela história, a DC é a casa dos grandes clássicos.

Confira quais são as 10 melhores quadrinhos da DC, de acordo com o público:

PUBLICIDADE

10º – Preacher (ficou em 12º também no ranking geral)

Autor: Garth Ennis e Steve Dillon

PUBLICIDADE

Ano: 1995-2000

Premissa: Preacher é um drama cômico sobrenatural, distorcido e sombrio também da Vertigo/DC que segue um pregador do oeste do Texas chamado Jesse Custer, que é habitado por uma entidade misteriosa que o faz desenvolver um poder altamente incomum. Jesse, sua ex-namorada badass , Tulip, e um vagabundo irlandês chamado Cassidy se unem e, quando o fazem, são lançados em um mundo louco povoado por um elenco de personagens do céu, do inferno e de todos os lugares intermediários.

9º – A Saga do Mônstro do Pântano (ficou em 11º no ranking geral)

Autor: Alan Moore

Ano: (1984-1987)

Premissa: Criado no pântano por um acidente bizarro, o Monstro do Pântano é uma criatura elementar que usa as forças da natureza e a sabedoria do reino vegetal para combater a autodestruição do mundo poluído. 

8º – Batman: O Longo Dia das Bruxas (ficou em 9º no ranking geral)

Autor: Jeph Loeb

Ano: 1996-1997

Premissa: Seguindo diretamente os eventos de Batman: Ano Um, esta obra mostra uma série de assassinatos ocorridos em datas festivas e sempre relacionados ao submundo dos gângsteres de Gotham City, trazendo de volta personagens como Carmine Falcone – o Romano -, Harvey Dent, James Gordon, Mulher-Gato e muitos outros. Acompanhe a gênese do Duas-Caras, a evolução da amizade entre Gordon e o Cavaleiro das Trevas e a relação entre a Mulher-Gato e o Batman

7º – Reino do Amanhã (ficou em 8º também no ranking geral)

Autor: Mark Waid e Alex Ross

Ano: 1996

Premissa: Em um futuro não muito distante, a Terra se tornou o reino dos super-heróis. Infelizmente para os habitantes não tão poderosos do planeta, estes heróis da Liga da Justiça vêm se tornando cada vez mais irresponsáveis e destrutivos, colocando em risco a sobrevivência do mundo inteiro. E para piorar a situação, o único ser que pode devolver o bom senso a essa raça de novas e irascíveis divindades, o envelhecido Superman, se aposentou e se recolheu há anos.

6º – V de Vingança (ficou em 6º no ranking geral)

Autor: Alan Moore

Ano: 1982-1989

Premissa: Ambientada em uma Inglaterra de um futuro imaginário que se entregou ao fascismo, esta arrebatadora história captura a natureza sufocante da vida em um estado policial autoritário e a força redentora do espírito humano que se rebela contra esta situação. Obra de surpreendente clareza e inteligência, V DE VINGANÇA da parceria Vertigo/DC traz inigualável profundidade de caracterizações e verossimilhança, em um audacioso conto de opressão e resistência.

5º – Batman – A Piada Mortal (ficou em 5º também no ranking geral)

Autor: Alan Moore

Ano: 1988

Premissa: Um dia ruim. É apenas isso que separa o homem são da loucura. Pelo menos menos segundo o Coringa, um dos maiores e mais conhecidos vilões dos quadrinhos. E ele quer provar seu ponto de vista enlouquecendo ninguém menos que o maior aliado de seu grande inimigo: o Comissário Gordon. Cabe ao Cavaleiro das Trevas impedi-lo.

4º – Sandman (ficou em 4º também no ranking geral)

Autor: Neil Gaiman

Ano: 1989-1996 (a série original)

Premissa: Sandman é uma série criada por Neil Gaiman em 1989. Envolve as aventuras do deus dos sonhos, Sonho dos Perpétuos, em reinos que transcendem os limites da compreensão humana. Com reviravoltas interessantes e aterrorizantes da mitologia, Sandman é uma história sobre histórias e como Morfeu é capturado e, posteriormente, descobre que às vezes a mudança é inevitável.

3º – Batman: Ano Um (ficou em 3º também no ranking geral)

Autor: Frank Miller

Ano: 1987

Premissa: A origem do Batman permanece fiel à visão original descrita pela primeira vez pelo escritor Bill Finger e pelo artista Bob Kane. Ele recapitula brevemente os eventos que levaram à morte de seus pais Thomas e Martha Wayne, ao mesmo tempo em que adiciona um desequilíbrio psicológico ao personagem que não existia nas histórias de origem anteriores.

2º – Batman: O Cavaleiro das Trevas (ficou em 2º também no ranking geral)

Autor: Frank Miller

Ano: 1986

Premissa: A  história mostra um Cavaleiro das Trevas envelhecido e amargurado voltando à ativa após anos de aposentadoria, ultrapassou as fronteiras do que se convencionava considerar histórias em quadrinhos, estabelecendo novos parâmetros, tanto em narrativa como em temática, e influenciando tudo o que veio depois.

1º – Watchmen (ficou em 1º também no ranking geral)

Autor: Alan Moore

Ano: 1986-1987

Premissa: O ano é 1985. Os estados unidos são uma nação totalitária e fechada, isolada do resto do mundo. A presença de arsenais nucleares e dos chamados super-heróis mantém um certo equilíbrio entre as forças do planeta. Até que o relógio do fim do mundo começa a marchar para a meia-noite e a raça humana para um abismo sem-fim. A sombria e inigualável trama tem início com ilusões paranoicas do supostamente insano herói rorschach, um dos Watchmen que patrulhavam os eua décadas atrás. Mas ele estaria realmente insano ou na verdade teria descoberto uma sórdida conspiração para assassinar super-heróis — ou, pior ainda, milhões de civis inocentes? fugindo da lei, rorschach junta-se a ex-companheiros do passado em uma desesperada tentativa de salvar suas próprias vidas. E o que acabam descobrindo, além de abalar suas estruturas, poderá alterar o próprio destino do planeta terra.

BÔNUS: 

11º – Grandes Astros: Superman (ficou em 16º no ranking geral)

Autor: Grant Morrison

Ano: 2005-2008

Premissa: Quando Lex Luthor finalmente consegue envenenar o Homem de Aço com uma overdose de radiação solar, Superman decide que é hora de olhar para trás e encerrar sua vida. Existem vilões para superar, respostas para a mulher que ele ama e os Doze Desafios do Superman para realizar, mas Lex ainda está planejando algo e há um vilão escondido fora de vista.

Gostou do ranking? Concorda ou discorda da presença ou ausência de alguma obra? Comente abaixo em nosso bloco de comentários.

Acompanhe o Legado da DC e saiba tudo sobre o universo dcnauta.

Conheça o LegadoTV:

LegadoTV é o nosso canal do YouTube para falar de tudo, seja Marvel, DC, e qualquer conteúdo de cultura pop! Se você curte nosso trabalho aqui no site, não nos deixe de se inscrever no nosso canal clicando aqui. Logo abaixo você confere um vídeo do canal:


2 Comentários Sobre o Assunto
  1. Antônio disse:

    Watchmen é fantástico, embora sua conclusão seja um tanto forçada (o toque dado na versão do cinema transformando o Dr. Manhattan em ameaça ao invés da Lula mostra mais profundidade) mas Cavaleiro das Trevas é o tipo de coisa que vc lê uma vez a cada 50 anos. Brilhante na narrativa, bela arte visual e o apoteótico fim faz QQ pseudo escritor de hoje ter vergonha das suas mega sagas!!! Miller definiu o que é ” BATMAN”, do mesmo jeito que a QUE DE MURDOCK ” dá uma aula sobre como fazer o DEMOLIDOR. Em poucas páginas ele mostra como poderia ser escrever o CAPITÃO AMÉRICA, pena que nunca passou disso.

  2. Heleno Souza disse:

    Gosto das HQs mencionadas na lista,mas só corrijo a sinopse de O Reino do Amanhã:não são os Heróis da Liga que se tornaram irresponsáveis,mas sim a geração de jovens Meta-Humanos daquele futuro.Eu incluiria sem medo algum,DC Nova Fronteira,de Darwin Cooke,e Justiça,também de Alex Ross e Mark Waid.Se é pra introduzir novos leitores, precisamos de HQs que abordam de formas Míticas as Origens deles,e seu período de atuação mais distintos!Falou 😁

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020-2023 Legado da DC, uma empresa da Legado Enterprises.
Developed By Old SchooL