Titãs: Veja como ficou o Robin após ser assassinado pelo Coringa (+18)

Foram reveladas imagens de bastidores do ator Curran Walters usando uma maquiagem assustadora para a cena do assassinato do Robin.

PUBLICIDADE

A terceira temporada de Titãs já trouxe várias surpresas para os fãs da série. Já no primeiro episódio, tivemos a morte do 2ª Robin, que estava sendo um dos principais pontos de divulgação do novo ano. A série adaptou um famoso arco dos quadrinhos com o assassinato de Jason Todd (Curran Walters), pelas mãos do Coringa. Com a morte do menino prodígio, Bruce Wayne/Batman (Iain Glen) decide ir embora de Gotham.

 

    LEIA MAIS!

 

Como os fãs já sabem, nos quadrinhos, Todd morre após enfrentar o Coringa sozinho e acaba retornando dos mortos depois de um tempo como o Capuz Vermelho. No episódio da série, vimos Jason Todd descobrindo o paradeiro do Coringa.

PUBLICIDADE

Mesmo com Bruce dizendo para ele não ir atrás do vilão, Todd não gosta muito de obedecer ordens e faz o que quer. O Robin vai atrás do vilão e como é de se esperar, é morto brutalmente por ele. Na cena, em momento algum vemos realmente o Príncipe Palhaço do Crime.

Apesar de apenas a silhueta do vilão ser mostrada, o momento lembra bastante a morte do personagem dos quadrinhos. Tempos atrás, foram reveladas imagens de bastidores do ator Curran Walters usando uma maquiagem assustadora para a cena do assassinato. Confira:

PUBLICIDADE

Em 1988, a DC Comics realizou uma pesquisa por telefone para determinar se o personagem iria ou não morrer nas mãos de Coringa, o arquiinimigo de Batman. A votação para que ele morresse foi maior, com isso fazendo que Jason morresse. As histórias de Batman posteriormente retrataram a culpa que Batman sentia por ser incapaz de impedir a morte de Jason.

PUBLICIDADE

Essa é, com certeza, a morte mais famosa e polêmica causada pelo Coringa. Na HQ Uma Morte na Família, o Palhaço do Crime ataca o Robin de Jason Todd com um pé de cabra e o mata em uma explosão que o Batman não conseguiu evitar.

No entanto, assim como também aconteceu na série, Jason Todd acabou sendo ressuscitado mais tarde no Poço de Lázaro de Ra’s Al Ghul, mas ele nunca mais foi a mesma pessoa. Até hoje, essa morte polêmica é lembrada e discutida entre os fãs do Batman.

Foi no arco Sob o Capuz, de 2005, que o personagem foi ressuscitado, tornando-se o segundo Capuz Vermelho e assumindo um novo papel como um anti-herói semelhante a Batman em muitos aspectos, exceto pela preferência em usar força letal e armas.

Mas e você, gostou do arco do Capuz Vemelho na 3ª temporada de Titãs? Não esqueça de comentar em nossas redes sociais!

Acompanhe o Legado da DC e saiba tudo sobre as séries DCnautas.

PUBLICIDADE

Sair da versão mobile