Coringa finalmente explica o significado do seu próprio nome

A história de Coringa: O Homem que Parou de Rir #1 revelou o verdadeiro significado por trás do nome do Príncipe Palhaço do Crime.

Coringa finalmente explica o significado do seu próprio nome

A história de Coringa: O Homem que Parou de Rir #1 revelou o verdadeiro significado por trás do nome do Príncipe Palhaço do Crime.

Coringa finalmente explica o significado do seu próprio nome
DC COMICS
Imagem: Reprodução | Divulgação
PUBLICIDADE

Após anos de discussões entre os fãs, o verdadeiro significado do nome do Coringa finalmente foi revelado pela DC Comics. Enquanto Batman guarda os cidadãos de Gotham City vestidos com roupas escuras, o Coringa sempre preferiu um traje mais espalhafatoso.




PUBLICIDADE



Por sempre fazer alusão ao seu visual de palhaço, Coringa ocasionalmente usa elementos de comédia em seus vários crimes contra o mundo. Mas por que exatamente um nome com uma conotação tão agradável para um dos criminosos mais mortais de todo o Universo DC?

Os fãs podem ter recebido uma resposta em Coringa: O Homem que Parou de Rir #1. Na história de Matthew Rosenberg e Carmine Di Giandomenico, Coringa retorna a Gotham, e volta a usar seus velhos truques para matar indiscriminadamente e recuperar o poder que ele detinha.

PUBLICIDADE

Enquanto a história se desenrolava, um narrador sem nome explica o que torna a comédia tão eficaz. De acordo com a narração, piadas boas e eficazes dependem de uma base familiar em que o público pode confiar e, uma vez estabelecido, subverter as expectativas provoca o riso do inesperado.

Conforme descrito pelo Screen Rant, o narrador menciona que são os mesmos princípios que fazem o horror funcionar, chegando mesmo a dizer que horror e humor funcionam a partir do mesmo tipo de “fórmula”. Deve-se notar que o narrador pode ser o verdadeiro Coringa em vez do mostrado ao longo da história.

PUBLICIDADE

A narração pode ser interpretado como o vilão real explicando a lógica do que seu nome significa. Como esse diálogo pode estar vindo direto do artigo genuíno, os fãs podem finalmente ter o melhor raciocínio de por que um vilão assumiu um nome engraçado como ‘Coringa’.

A comédia e horror provocam fortes elementos de surpresa e evocam alegria e medo. Coringa se apresenta como um palhaço, mas isso serve para quebrar as expectativas. Seu exterior colorido exala diversão, enquanto suas ações brutais subvertem o que as pessoas esperariam dele.

PUBLICIDADE

Em suma, o nome Coringa é uma extensão da teoria de que horror e humor operam a partir dos mesmos conceitos, com execuções diferentes. Quais os seus pensamentos sobre isso? Não esqueça de comentar!

Vilão do Batman se torna mais aterrorizante que o Coringa

O Coringa se tornou conhecido por cometer alguns dos atos mais perturbadores dos quadrinhos. No entanto,  uma das coisas mais horríveis que ele já fez foi transformar outro membro da galeria de vilões do Batman em um monstro aterrorizante.

Nos quadrinhos da DC Comics, Cara-de-Barro sempre foi um vilão assustador. Claro, isso também se deve ao fato de que ele é um monstro gigante feito de lama e que pode alterar sua forma. Contudo, ele se tornou muito mais aterrorizante graças ao Príncipe Palhaço do Crime.

Para muitos cidadãos de Gotham City, o Coringa é a pior coisa que já aconteceu para a cidade. Ele mata as pessoas através do riso, infectando-as com toxinas que podem se espalhar por quase qualquer meio, seja ar, líquido, gás ou até mesmo toque.

Cara-de-Barro, por outro lado, é aterrorizante de uma maneira muito diferente. Como ressaltado pelo Screen Rant, ele é um golem vivo feito de barro, ele pode afogar as pessoas com um toque ou até mesmo roubar toda a sua identidade remodelando-se.

Coringa, Batman, Cara-de-Barro

Em Arkham Manor #3 (de Gerry Dugan e Shawn Crystal), enquanto Coringa estava disfarçado de estagiário do Arkham, ele encontrou um pedaço do Cara-de-Barro, não o suficiente para estar totalmente consciente ou capaz de falar.

Contudo, o pedaço ainda podia mudar de forma e agir sobre as coisas. Posteriormente, Coringa o infectou com seu toxina. Isso fez com que o pedaço do Cara-de-Barro se tornasse um monstro completo, mas sem a capacidade de raciocinar ou se comunicar.

Com isso, ele também se tornou um agente do caos que apenas queria causar morte e destruição. A ideia de Cara-de-Barro com o sadismo do Coringa é certamente uma das coisas mais terríveis que o Batman poderia enfrentar. Mas e você, o que acha de tudo isso? Deixe suas opiniões nos comentários!

Acompanhe o Legado da DC e saiba tudo sobre os quadrinhos DCnautas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020-2023 Legado da DC, uma empresa da Legado Enterprises.
Developed By Old SchooL