Nova HQ do Coringa reutiliza grande reviravolta de Batman: Arkham City

Nova HQ do Coringa reutiliza grande reviravolta de Batman: Arkham City

Nova HQ do Coringa reutiliza grande reviravolta de Batman: Arkham City

O Coringa é conhecido por ter um número infinito de truques na manga ao planejar seus crimes, mas a mais nova edição de The Joker Presents: A Puzzlebox o vê mergulhando...

Nova HQ do Coringa reutiliza grande reviravolta de Batman: Arkham City
Imagem: Reprodução | Divulgação
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE



Coringa é conhecido por ter um número infinito de truques na manga ao planejar seus crimes, mas a mais nova edição de The Joker Presents: A Puzzlebox o vê mergulhando de volta no poço para usar uma reviravolta do jogo Batman: Arkham City. Depois de seis edições, o Coringa supostamente disse ao Departamento de Polícia de Gotham City tudo o que podia sobre a morte do Charada.

 

PUBLICIDADE

   LEIA MAIS!

 

No entanto, a edição final desta série limitada traz novas revelações, pois o Coringa revela o que realmente está acontecendo, e uma virada na história é estranhamente familiar. Coringa é levado de volta para sua cela e explosões começam a acontecer em Gotham City nas bases de notórios líderes do crime.

PUBLICIDADE

Percebendo que uma das caixas está no departamento de polícia, Jim Gordon corre de volta acreditando que esta é uma tentativa de tirar Coringa da prisão e matar a testemunha do assassinato do Charada. Quando ele chega, porém, a testemunha está sendo conduzida por um policial e o vilão ainda está em sua cela.

Mas as coisas não são o que parecem ser, pois é revelado que o verdadeiro Coringa é o oficial, com sua namorada, Punchline, vestida como a “testemunha”. Então, quem está sentado na cela da prisão enquanto o Coringa foge? Não é outro senão o vilão que muda de forma, Cara-de-Barro, pegando emprestado a aparência do Princípe Palhaço do Crime e permitindo que ele fuja.

PUBLICIDADE

Coringa; Cara-de-Barro; Batman: Arkham City

Se isso soa familiar, é porque essa foi uma reviravolta final crucial em Batman: Arkham City. Nessa história, o Coringa estava morrendo devido à exposição à fórmula Titã do jogo que o precedeu, Arkham Asylum. Quando ele consegue a única cura, aparentemente teve uma recuperação milagrosa com até mesmo as cores de suas roupas se tornando mais brilhantes.

Não é até que o Batman alcança o vilão, quando é revelado que ele nunca tomou a cura porque foi roubado por Talia al Ghul antes que pudesse chegar até ele. Assim, o “Coringa” que Batman estava perseguindo desde que a cura foi tirada dele era o Cara-de-Barro o tempo todo, retratando uma versão mais saudável do Coringa para manter as aparências.

Parece que o Coringa gosta dessa piada, pois retorna em The Joker Presents: A Puzzlebox #7  de Matthew Rosenberg, Jesus Merino e Vanesa Del Rey. Mesmo que a história em quadrinhos reutilize essa reviravolta, existem diferentes configurações e resultados que o tornam diferente do que aconteceu no videogame.

Coringa; Cara-de-Barro; Batman: Arkham City

A maior mudança é a parceria de Coringa com o Cara-de-Barro, que antecedeu a revelação. Na nova HQ, Cara-de-Barro não percebe que está trabalhando para o Coringa até ser tarde demais. Coringa era apenas um cliente sem nome que o mutante concordou em ajudar.

Então, quando congelado pelo Sr. Frio, Coringa usa o chapéu do Chapeleiro Maluco para controlar o Cara-de-Barro e fazê-lo se disfarçar para que ele possa fugir. Batman: Arkham City, no entanto, apresenta uma parceria mútua., pois o Cara-de-Barro nunca esteve sob o controle do Coringa.

Está implícito que ele faz isso mais como um favor para o último desejo do Coringa enquanto espera que Batman encontre a cura. O Coringa é um mestre do inesperado, e esse é exatamente o tema pelo qual a trama de The Joker Presents: A Puzzlebox #7  foi construída.

Inimigos, aliados e até mesmo fãs sempre vão se surpreender quando começarem a acreditar que sabem o que o Príncipe Palhaço do Crime está pensando. Mas e você, o que acha de tudo isso? Não esqueça de comentar em nossas redes sociais!

Para mais curiosidades DCnautas, continue de olho no Legado da DC.

Créditos: Screenrant

 

 

© 2020-2023 Legado da DC, uma empresa da Legado Enterprises.
Developed By Old SchooL