Chefão da DC humilha em julgamento Amber Heard, a Mera de Aquaman

Chefão da DC humilha em julgamento Amber Heard, a Mera de Aquaman

Chefão da DC humilha em julgamento Amber Heard, a Mera de Aquaman

Nesta terça (24), o presidente da DC Films, Walter Hamada, testemunhou contra a atriz Amber Heard no julgamento que o ator Johnny Depp move contra sua ex-eposa e a...

Chefão da DC humilha em julgamento Amber Heard, a Mera de Aquaman
Imagem: Reprodução | Divulgação
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE



Nesta terça (24), o presidente da DC Films, Walter Hamada, testemunhou contra a atriz Amber Heard no julgamento que o ator Johnny Depp move contra sua ex-eposa e a atriz de Aquaman.

 

PUBLICIDADE

    LEIA MAIS!

 

Via vídeo, Hamada testemunhou no caso Depp x Heard por conta da defesa de Amber ter dito que a intérprete da Mera sofreu represálias por parte da Warner Bros. em Aquaman 2. A atriz teria tido seu papel diminuido várias vezes no filme.

PUBLICIDADE

Os advogados da estrela dcnauta afirmam que a carreira de Amber foi prejudicada devido ao seus conflitos com Depp, a quem ela acusa de agressão e abuso sexual.

PUBLICIDADE

Contudo, Hamada negou que Amber Heard foi demitida de seu contrato com a Warner e que o papel da atriz tenha sido reduzido na sequência de Aquaman 2 por algum motivo específico ou por por algo que envolvesse o nome de Depp.

“Não. Novamente desde os estágios iniciais do desenvolvimento do roteiro, o filme [Aquaman 2] foi construído em torno do personagem de Arthur e do personagem de Orm”, explicou Hamada. “Arthur sendo Jason Momoa. Orm sendo Patrick Wilson. Então eles sempre foram os dois protagonistas do filme.”

O chefão da DC nos cinemas também falou que a falta de química de Jason Momoa, o Aquaman, e Amber, a Mera, em Aquaman quase fez a atriz ser substituída em Aquaman 2.

“Acho que editorialmente eles conseguiram fazer esse relacionamento funcionar no primeiro filme, mas havia uma preocupação de que era preciso muito esforço para continuarmos e seria melhor reformular, encontrar alguém que tivesse uma química melhor e mais natural com Jason Momoa e seguir em frente dessa maneira”, testemunhou Hamada.

Embora o executivo da WB afirme que na edição final de Aquaman, Momoa e Heard demonstre químicas juntos, Hamada fisse que isso só foi possível graças a um imenso trabalho de pós-produção.

 “No final das contas, acho que se você assistir ao filme, eles parecem ter uma ótima química, mas eu só sei que ao longo da pós-produção foi preciso muito esforço para chegar lá. Às vezes é muito fácil, você apenas coloca os personagens na tela juntos e eles funcionam, e às vezes é mais difícil.”

Confrontando por um adovgado de Amber, Walter Hamada explicou melhor como foi criado a química do casal principal de Aquaman e Aquaman 2.

“Um bom editor e um bom cineasta podem escolher as fitas certas, podem escolher os momentos certos e juntar as cenas, novamente a trilha sonora é grande, a música em uma cena faz uma grande diferença, você pode fazer uma cena feliz parecer mais triste ou triste cena se sente mais feliz, é apenas a magia da pós-produção, edição, som, design de som, música, etc.” disse Hamada.

O que você acha dessa polêmica toda? Comente em nossas redes sociais.

Aquaman 2 estreia em 17 de março de 2023 nos cinemas americanos.

Acompanhe o Legado da DC e saiba tudo sobre o universo dcnauta.

Escute o Podcast do Legado:

© 2020-2023 Legado da DC, uma empresa da Legado Enterprises.
Developed By Old SchooL