Como seria a Arlequina na trilogia de Christopher Nolan? Confira

A parceira do Coringa, Arlequina, teve sua própria reformulação inspirada na franquia O Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan.

Veja como seria a Arlequina (não oficial) de Christopher Nolan

A parceira do Coringa, Arlequina, teve sua própria reformulação inspirada na franquia O Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan. Em uma graphic novel da DC Comics, a galeria de vilões do Batman é...

 Veja como seria a Arlequina (não oficial) de Christopher Nolan
Imagem: Reprodução | Divulgação
Publicidade

Publicidade

A parceira do Coringa, Arlequina, teve sua própria reformulação inspirada na franquia O Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan. Em uma graphic novel da DC Comics, a galeria de vilões do Batman é baseada na realidade, com figurinos que lembram a visão de Nolan sobre Gotham City.

 

  LEIA MAIS!

 

Publicidade

A Trilogia O Cavaleiro das Trevas popularizou super-heróis e vilões com fantasias e personalidades muito próximas ao mundo real. Com o estilo distinto dos filmes de Christopher Nolan, representado melhor pelas representações do Coringa e Bane, os fãs ficam imaginando como seriam os outros vilões do Batman se fossem adaptados pela trilogia.

Embora alguns deles já tenham trajes semi-realistas, como o Charada que tradicionalmente usa um terno verde, e o Pinguim que literalmente usa apenas um terno, alguns podem ser atenuados. Enquanto a graphic novel Coringa inclui Charada, Duas-Caras, Crocodilo e o Pinguim, o traje fotorrealista da Arlequina parece o mais autêntico, com potencial para uma adaptação em live-action.

Coringa foi escrito por Brian Azzarello e apresenta arte de Lee Bermejo. Na época, era frequentemente comparado com Batman: O Cavaleiro das Trevas, já que o Coringa redesenhado de Bermejo se assemelha ao de Heath Ledger, incorporando cicatrizes faciais e um corte de cabelo mais moderno.

Publicidade

No entanto, a representação de Harley Quinn se junta ao Príncipe Palhaço do Crime com um visual reformulado que parece ter saído da franquia de Nolan, semelhante ao Coringa de Heath LedgerNa graphic novel, Arlequina trabalha em uma boate como dançarina e revela seu traje como se fosse parte de sua performance.

A introdução mais sombria da personagem vai além do que um quadrinho convencional ou um filme de Nolan faria, aproveitando-se de ser definido fora do cânone. O visual de Harley na HQ incorpora sua fantasia original de Batman: A Série Animada, mas com um estilo fotorrealista que faz com que pareça intencionalmente uma fantasia de Halloween.

Publicidade

Embora alguns fãs tenham criado arte e imaginado figurinos para Arlequina se ela entrasse no Nolanverse, a versão simples de Lee Bermejo anda na linha entre fantasia e realidade, respeitando seu material de origem. Na época da publicação de Coringa em 2008, o visual da série animada para a personagem ainda era a versão principal, contrastando a Harley sem máscara de hoje e com cabelos tingidos de azul e rosa.

Em vez de reimaginar drasticamente o traje, o DCEU e os quadrinhos atuais não tiveram que comprometer a aparência inicial da Arlequina por um estilo fundamentado. É fácil imaginar a Harley Quinn de Brian Azzarello e Lee Bermejo ao lado do Coringa de Heath Ledger.

Enquanto suas personalidades permanecem intactas, eles provam que são mais do que seus trajes tradicionalmente caricaturados. Ao fundamentar a galeria de vilões do Batman em uma versão de Gotham City que parece relacionável, eles mostraram as qualidades mais essenciais dos vilões, que são mais profundas do que sua estética externa.

Publicidade

Considerando sua evolução nos quadrinhos, ironicamente, o traje realista de Harley Quinn parece um retrocesso para uma outra era. Mas e você, quais seus pensamentos sobre tudo isso? Não esqueça de comentar em nosso grupo do Telegram!

Fique por dentro do Legado da DC e saiba tudo sobre as produções DCnautas.

Créditos: Screenrant
Site Parceiro
© 2019-2022 Legado Plus, uma empresa da Legado Enterprises.