Forma do Lanterna Verde como um ”Motoqueiro Fantasma” envergonha a Marvel

Forma do Lanterna Verde como um ”Motoqueiro Fantasma” envergonha a Marvel

Forma do Lanterna Verde como um ”Motoqueiro Fantasma” envergonha a Marvel

Hal Jordan é mais conhecido na DC Comics como um Lanterna Verde, mas seu tempo como o vingativo Espectro provou que ele era ainda mais brutal do que o...

Forma do Lanterna Verde como um ”Motoqueiro Fantasma” envergonha a Marvel
Imagem: Reprodução | Divulgação
PUBLICIDADE

PUBLICIDADE



Hal Jordan é mais conhecido na DC Comics como um Lanterna Verde, mas seu tempo como o vingativo Espectro provou que ele era ainda mais brutal do que o Motoqueiro Fantasma. Os Lanternas Verdes são mantidos em um alto padrão de responsabilidade devido às capacidades de seus anéis de poder, que lhes dão a habilidade de criar construções vinculadas apenas por sua imaginação e força de vontade.

 

PUBLICIDADE

    LEIA MAIS!

 

Apesar disso, Hal Jordan foi levado por um caminho sombrio começando com o enredo de Crepúsculo Esmeralda de Ron Marz e Darryl Banks nas páginas de Lanterna Verde, continuando até o evento Zero Hora: Crise no Tempo! de Dan Jurgens e Jerry Orday, onde ele quase destruiu todo o universo em uma forma macabra.

PUBLICIDADE

Foi somente até a morte de Hal que ele teve uma chance de redenção: tornando-se a Ira Vingativa de Deus, o Espectro. Assim como o Motoqueiro Fantasma da Marvel Comics, o Espectro procura vingar o sofrimento dos inocentes no universo brutalizando os malfeitores.

A persona do Espectro é difícil de compartilhar um corpo, pois ele é a personificação da Ira de Deus, e seu desejo de distribuir punição é insaciável. Enquanto o Lanterna Verde evita matar a todo custo, o Espectro não hesitará em assassinar violentamente seus alvos.

PUBLICIDADE

Isso é semelhante ao Espírito de Vingança por trás do Motoqueiro Fantasma, cujo próprio relacionamento turbulento com seu hospedeiro humano foi bem documentado nos quadrinhos com Johnny Blaze. Tanto para Hal Jordan quanto para Johnny Blaze, as forças que alimentam suas habilidades sobrenaturais são verdadeiramente aterrorizantes e frequentemente questionam seus códigos morais.

Em um arco que abrange Legends of the DC Universe #33-36 de JM DeMatteis, Michael Zulli, Vince Locke e Bill Oakley, Hal Jordan procurou recuperar sua vida como o Espectro como uma oportunidade de redenção pessoal, em vez de penitência pela destruição que causou durante Zero Hora.

Motoqueiro Fantasma; Lanterna Verde; Hal Jordan; Espectro; DC Comics; Marvel

Ainda assim, ele achou difícil, pois encarnar a Ira de Deus exigia que o Espectro distribuísse uma punição muito mais dura do que Hal se sentia confortável em fazer. Enquanto o crânio flamejante do Motoqueiro Fantasma, a corrente e o temido Olhar da Penitência são todos aspectos horríveis de sua personalidade, o Espectro é quase ilimitado nos tipos de tortura que ele pode trazer para as pessoas.

Com a capacidade de mudar de forma, alterar a realidade e manipular seu entorno, o Espectro pode facilmente trazer o Inferno à Terra em um piscar de olhos. Isso acaba tornando a passagem de Hal Jordan como o personagem mais severa do que qualquer um dos Motoqueiros Fantasmas da Marvel, apesar das semelhanças de suas missões.

Mesmo que o Motoqueiro Fantasma seja inegavelmente um personagem sobrenatural, é o Espectro de Hal Jordan que se encaixa no componente “Fantasma” de seu nome muito melhor do que Johnny Blaze. Quando não está na forma de Espectro, Hal Jordan vagueia pelo universo como um fantasma real, aparecendo como uma versão pálida de si mesmo irreconhecível para seus entes queridos.

Por estar morto e trazer punição letal para aqueles que merecem a Ira de Deus, Hal é constantemente lembrado das circunstâncias que o levaram à condição de Espectro em primeiro lugar. Com os danos horríveis que ele causou no universo como Parallax, Hal é incapaz de escapar da sensação de que ele também é digno da extrema justiça que o Espectro representa.

Hal Jordan cometeu crimes horríveis na vida e, ao se tornar o Espectro, esperava conseguir algum tipo de redenção para seu passado. No entanto, seu arco de redenção é contraditório, porque os hábitos assassinos do Espectro não dão a suas vítimas a chance de crescer com seus erros.

Hal, por outro lado, sendo o próprio Espectro, tem a chance de crescer com seus erros como Parallax. Isso torna o trabalho do ex-Lanterna Verde como o próprio Espírito de Vingança da DC muito mais espinhoso do que o do Motoqueiro Fantasma na Marvel, fornecendo uma camada adicional de complexidade ao que “redenção” realmente significa na prática.

Mas e você, quais seus pensamentos sobre tudo isso? Não esqueça de comentar em nossas redes sociais!

Acompanhe o Legado da DC e saiba tudo sobre os quadrinhos DCnautas.

Créditos: Screenrant

© 2020-2023 Legado da DC, uma empresa da Legado Enterprises.
Developed By Old SchooL