Aquaman 2 ultrapassa a bilheteria de Homem-Aranha: Através do Aranhaverso no Brasil

Aquaman 2 supera o elogiado Homem-Aranha: Através do Aranhaverso nas bilheterias e já é o segundo maior filme de super-heróis de 2023 no Brasil.

Aquaman 2 ultrapassa a bilheteria de Homem-Aranha: Através do Aranhaverso no Brasil

Aquaman 2 supera o elogiado Homem-Aranha: Através do Aranhaverso nas bilheterias e já é o segundo maior filme de super-heróis de 2023 no Brasil.

Aquaman 2 ultrapassa a bilheteria de Homem-Aranha: Através do Aranhaverso no Brasil
REI DOS MARES TRIUNFA
Imagem: Reprodução | Divulgação
PUBLICIDADE

Após uma carreira surpreendente na bilheteria brasileira, Aquaman 2: O Reino Perdido acaba de derrotar mais um oponente: a elogiadíssima e indicada ao Oscar animação da Marvel Homem-Aranha: Através do Aranhaverso.




PUBLICIDADE



Com os resultados da última semana, o rei de Atlântida da DC possui um total de R$ 70,3 milhões em arrecadação e 3,52 milhões de ingressos vendidos.Aranhaverso 2 encerrou sua carreira com R$ 66,4 milhões em bilheteria e 3,51 milhões de pagantes nas salas nacionais, ou seja, pouco abaixo de Aquaman 2, que, vale lembrar, continua em cartaz.

Com isso, o longa de James Wan agora é a segunda maior bilheteria para um filme de super-heróis lançado em 2023, atrás apenas de Guardiões da Galáxia Vol. 3 (R$ 91 milhões/4,4 milhões de ingressos).

PUBLICIDADE

Mesmo estando em exibição já há seis semanas, O Reino Perdido segue na liderança das bilheterias nacionais da semana, à frente de outros longas que estrearam há menos tempo, como as animações Patos! e Wish: O Poder dos Desejos e a comédia nacional Minha Irmã e Eu.

Na verdade, Aquaman 2 é o primeiro filme a estrear nas salas brasileiras desde seu colega de Warner Barbie, em julho do ano passado, a ultrapassar a barreira dos R$ 70 milhões de arrecadação e 3,5 milhões em público – nenhum longa que abriu entre esses dois conseguiu alcançar tais números.

PUBLICIDADE

E tudo isso após um início bastante devagar. Em seu primeiro fim de semana, logo antes do Natal, O Reino Perdido faturou R$ 9,7 milhões e vendeu 452 mil ingressos, uma estreia bastante fraca até para os padrões recentes da DC – foi abaixo das aberturas de The Flash e Besouro Azul, por exemplo. Através do Aranhaverso, por sua vez, fez quase o dobro (R$ 16,8 milhões e 819 mil ingressos) ao estrear em junho de 2023.

No entanto, ao longo das semanas seguintes, Aquaman 2 manteve excelente sustentação e se recusou a deixar a liderança das bilheterias nacionais, alcançando um total superior a todos eles. E isso por um motivo: não estreou nenhum outro blockbuster de ação, fantasia e efeitos especiais para concorrer com ele. Seus maior competidor foi uma comédia nacional, Minha Irmã e Eu, que não chegou a ameaçar sua liderança.

PUBLICIDADE

Claro, não é incomum que comédias brasileiras derrotem o grande blockbuster fantástico de Hollywood durante a temporada de fim de ano. De Pernas pro Ar 2 Minha Mãe é uma Peça 2 e 3 humilharam O Hobbit: Uma Jornada Inesperada e dois Star Wars da Disney em anos passados no Brasil.

Mas aí entra outro componente: a DC e, em particular, o Aquaman, são muito mais fortes entre o público nacional do que O Hobbit ou Star Wars.

O primeiro Aquaman, por exemplo, vendeu mais de 8,6 milhões de ingressos no país no final de 2018 e início de 2019, com uma arrecadação de R$ 140 milhões, tornando-se o grande filme daquela temporada de Natal – o segundo lugar ficou para outro filme tupiniquim, Minha Vida em Marte, com 5,3 milhões de espectadores. Falando nisso, é importante ressaltar que as bilheterias para filmes brasileiros sofreram um duro golpe após a pandemia, de modo que só estão conseguindo se recuperar agora: Minha Irmã e Eu é o primeiro longa nacional a atrair mais de 1 milhão de pessoas às salas escuras desde 2020.

Em resumo: some o fato do Aquaman de Jason Momoa se manter como um dos heróis mais populares entre os fãs brasileiros mesmo depois de tanta fadiga com o gênero com concorrentes enfraquecidos e você tem um filme que se manteve forte o bastante nas últimas seis semanas para se tornar o segundo maior de heróis de 2023.

Será que O Reino Perdido vai ter fôlego para alcançar Guardiões 3? Comente aí embaixo!

Fonte: Filme B

Logo abaixo, assista a um vídeo do nosso canal no YouTube, a LegadoTV – se inscreva clicando aqui.

TUDO SOBRE AQUAMAN 2: O REINO PERDIDO

Aquaman 2: O Reino Perdido é o segundo filme solo do herói dos mares Aquaman e última produção do Universo Estendido DC. A trama do filme está cercada de mistérios, mas já se sabe que o longa terá o retorno de grande parte do elenco do primeiro Aquaman, que é até hoje a maior bilheteria do DCEU, tendo passado de 1 bilhão nas bilheterias mundiais.

A sequência conta com a volta dos atores Jason Momoa como Arthur Curry/Aquaman, Amber Heard como Mera, Patrick Wilson como Mestre dos Oceanos, Yahya Abdul-Mateen II como Arraia-Negra, Temuera Morrison como Tom Curry, Dolph Lundgren como Rei Nereus, Randall Park como o biólogo Stephen Shi e Nicole Kidman como a rainha Atlanna.

O filme será estrelado também por Indya Moore como o tubarão humanoide Karshon, Vincent Regan como Atlan, antigo rei de Atlântida, e Pilou Asbæk em um papel ainda desconhecido.

Dirigido por novamente por James Wan e roteirizado mais uma vez pela dupla David Leslie e Johnson-McGoldrick, o filme está em cartaz nos cinemas de todo o Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2020-2023 Legado da DC, uma empresa da Legado Enterprises.
Developed By Old SchooL